segunda-feira, 14 de março de 2016

Encontro da Equipe Colegiada - Catequese Regional Noroeste

Fotos Encontro Colegiado 05 e 06/03. Estavam presentes na sede da CNBB em Porto Velho Representantes das comissões Bíblicos - Catequéticas  das dioceses do Regional Noroeste,  para articular ações e pensar a Catequese para o ano de 2016.
























quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Diocese de Ji-Paraná se prepara para realizar a 4ª Etapa da Escola de Teologia


Foto da 3ª Etapa da 8ª Turma. Por José Alaim  
“Eu sou a luz do mundo, aquele que me segue, 
não andarás nas trevas, mas, terá a vida eterna (Jo 8,12)!”

Nós da Comissão Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética chegamos até vocês para anunciar que a 4ª Etapa da 8ª Turma da Escola de Teologia Pe. Ezequiel Ramin está próxima!! 

Queremos sinceramente que você esteja presente nesta Etapa.
Venha partilhar suas experiências e colher das experiências partilhadas!

SOBRE A PRÓXIMA ETAPA
Acontecerá (a 4ª da 8ª Turma) nos dias 6 a 13 de dezembro, próximo mês. A Escola funciona em tempo integral durante os 7 dias.

As disciplinas e seus respectivos facilitadores serão:
Bíblia III – (Evangelho Sinóticos e Apostolo Paulo) - Ms. Maristela Tezza 
Retiro – Pe Givaldo Miranda
Mariologia – Marcos Stein
Psicologia – Margarete Porto

COMO PARTICIPAR?

Se você ainda não é aluno/a da Escola de Teologia, mas se interessa em participar, basta deixar seu nome completo telefone na SECRETARIA de sua Paróquia. Quem já passou pela Escola, mas deseja refazer etapas ou disciplinas, também só precisa deixar o nome na Secretaria Paroquial. Se você é de outra Diocese, ligue no (69) 3416 4203 ou escreva para escola.de.teologia@hotmail.com, ou catequesediojipa@hotmail.com. 


segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Bíblia e inculturação foi tema do Encontrão do Regional Noroeste de Catequese

Encontrão Regional Noroeste de catequese aconteceu nos dias 06 a 08 de setembro de 2013, na Arquidiocese de Porto Velho, estado de Rondônia e contou com participação das Dioceses de Cruzeiro do Sul, Ji-Paraná, Guajará-Mirim, Humaitá, Rio Branco, Porto Velho e Prelazia de Lábrea. O tema foi assessorado pelo Pe. Décio José Walker, assessor da Comissão Episcopal para Animação Bíblico Catequética da CNBB. 
Pe. Décio destacou a da importância do tema escolhido para o Encontro. “Bíblia e inculturação é um tema propicio por estarmos celebrando em 2013, os 30 anos de Catequese Renovada. A catequese é a base da comunidade, pois forma discípulos para missão”.
O assessor reforçou o conceito de inculturação nos dias de hoje e explicou que este processo somente ocorrerá verdadeiramente, quando o povo entender a Palavra de Deus de acordo com a sua realidade cultural. “O papel do catequista é compreender a mensagem de um determinado tempo e trazê-la para os tempos atuais. Devemos aprender com a prática catequética de Jesus, que acolhe a pessoa humana como ela é, e por isso resgata a vida, a fé e a esperança de todos”.
Pe. Décio dá como exemplo o texto da Samaritana e aponta como Jesus fez um longo processo de inculturação até que ela mesma percebesse que Ele era o Messias. Segundo o assessor, Jesus se fez pequeno e necessitado para se aproximar da mulher Samaritana. É Dele a iniciativa de diálogo. “Jesus ao falar da Água viva fala em metáforas e a mulher entende no sentido real e se alegra por não ter que voltar ao poço”.
O encontro encerrou no Domingo, dia 08, com a celebração Eucarística, presidida por Pe. Décio e concelebrada pelos padres Vicente, Alfredo  e Jaime.

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Diocese de Ji-Paraná se prepara para realizar a 3ª Etapa da Escola de Teologia




          A Animação Bíblico-Catequética da Diocese de Ji-Paraná realizará, logo mais nos dias 5-12 de julho próximos, a 3ª Etapa da 8ª Turma da Escola de Formação Teológica e Pastoral "Pe. Ezequiel Ramin".
Essa Escola de formação para Leigos/as já existe na Diocese desde 1987, inicialmente coordenada pelas Irmãs Sacramentinas de Nossa Senhora. Com a saída da Congregação da Diocese, a Animação Bíblico-Catequética assumiu os trabalhos com a Escola.


SOBRE A PRÓXIMA ETAPA

A próxima etapa (a 3ª da 8ª Turma) será realizada nos dias 5-12 de julho próximos. As disciplinas e seus facilitadores serão:
Bíblia 2: Prof.ª Ms. Maristela Tezza
Filosofia: Prof. Ms. Marcelio Viana
Retiro: Pe. Johnnis Parteli


COMO PARTICIPAR?

Se você ainda não é aluno/a da Escola de Teologia, mas se interessa em participar, basta deixar seu nome completo telefone na SECRETARIA de sua Paróquia. Quem já passou pela Escola, mas deseja refazer etapas ou disciplinas, também só precisa deixar o nome na Secretaria Paroquial. Se você é de outra Diocese, ligue no 69 3416 4203 ou escreva para catequesediojipa@hotmail.com










O QUE LEVAR?

     
     Juntamente com muita alegria e empenho, trazer para a Etapa pertences pessoais (roupa de cama e banho), pertences pessoais, material para anotação, Livro de Canto e Bíblia. Para a Noite Cultural: trajes e comidas típicas de festa junina. 



A Escola é coordenada pela Animação Bíblico-Catequética da Diocese de Ji-Paraná e funciona em tempo integral durante os 7 dias.

Fotos: Da 2ª etapa, realizada em dezembro de 2012. 


Paróquia em Rolim realizou Encontro com Catequizandos Adultos e seus Padrinhos


     A equipe da Catequese da Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Rolim de Moura - Rondônia, realizou, no dia 18 de maio, um Encontro em nível paroquial com os catequizandos adultos e seus padrinhos.
    Esse encontro contou com a presença de mais de cem pessoas. Seu objetivo consistiu em esclarecer as principais dúvidas na caminhada no processo catecumenal e o repasse das orientações da Comissão Diocesana.


Paróquia Divino Espírito Santo realizou Encontro com Educadores/as da Fé

   
   O encontro aconteceu no dia 8 de março, com os educadores/as da fé da Paróquia. O objetivo foi esclarecer, à luz do Diretório Diocesano, algumas dúvidas referentes aos Sacramentos.
O encontro contou com a assessoria do Pe. Janilson e da educadora Valnea Edit. Nesse encontro também foi estudado o tema da CF 2013, orientado pela educadora da fé Cristiane Dal Moro. A maioria das comunidades estiveram representadas.
     A Paróquia Divino Espírito Santo fica localizada no município de Nova Brasilândia d'Oeste - zona da Mata de Rondônia. 



Paróquia Nossa Senhora Aparecida realiza visitas aos grupos de catequese urbanos


Nos últimos três anos, a equipe paroquial de Catequese da Paróquia Nossa Senhora Aparecida em Rolim de Moura - Rondônia, vem realizando visitas aos grupos de catequese de todas as comunidades urbanas. De acordo com a coordenação, o objetivo é conhecer as diversas realidades e ampliar o contato com os catequistas e, principalmente, com os catequizandos.





Neste ano as visitas tiveram início no dia onze (11) de maio, contando com a presença da Ir. Fabiana e do Frei Alexandre, na comunidade Nossa Senhora Aparecida.
Esses encontros possibilitaram às crianças terem um contato mais próximo com os agentes. 







Simone Rossi


Diocese realizou o 6° Encontrão de Animadores e Animadoras dos Grupos de Reflexão


E
ste foi o 6° Encontrão Diocesano dos Grupos de Reflexão realizado pela Diocese de Ji-Paraná, com o objetivo de animar e fortalecer as Comunidades Eclesiais de Base através de um renovado ardor missionário das lideranças com reflexões e orientações às coordenações de Grupos de Reflexão. Além disso, ajudá-los a identificar seu papel e sua missão como animadores/as do Povo de Deus na construção do Reino, à luz dos documentos da Igreja no Brasil, em comunhão com a Igreja no mundo.


O encontro foi realizado nos dias 17, 18 e 19 de maio no Centro Diocesano de Formação em Ji-Paraná. Participaram cerca de 75 pessoas: coordenadores/as, animadores/as de Grupo de Reflexão e representantes de CPP’s. A convidada para conduzir o encontro foi a Irmã da Congregação das Irmãs Paulinas - Rosana Pulga.
De acordo com os participantes, o encontro foi proveitoso, pois soube animar os participantes em torno da importância de conhecer a Bíblia como Palavra de Deus.
Já a Comissão para a Animação Bíblico-Catequética que preparou tudo, o encontro serviu para dar legitimidade aos Grupos de Reflexão, que nem sempre se percebem como base das comunidades e que precisam se organizar nas paróquias.



terça-feira, 14 de maio de 2013

Animação Bíblico-Catequética de Ji-Paraná promoverá Encontro de Animadores de Grupos de Reflexão

O Encontro acontecerá nos dias 17, 18 e 19 de maio no Centro Diocesano de Formação da Diocese, em Ji-paraná. Será assessorado pela Irmã paulina Rosana Pulga. 



Este encontro, que já é o 6° na história da Diocese de Ji-Paraná, objetiva reunir representantes dos Grupos de Reflexão de toda a Igreja Particular de Ji-Paraná, a fim de animar e fortalecer as Comunidades Eclesiais de Base através de um renovado ardor missionário das lideranças, com reflexões e orientações às coordenações de Grupos de Reflexão. Ajudá-las a identificar seu papel e sua missão como animadores e animadoras do Povo de Deus na construção do Reino, à luz dos documentos da Igreja no Brasil, em comunhão com a Igreja no mundo. 


SOBRE A ASSESSORA
Irmã Rosana Pulga, fsp, natural de União da Serra (RS), é membro da Pia Sociedade Filhas de São Paulo (Irmãs Paulinas) desde 1956. Bacharel em Filosofia e Teologia pela PUC-MG, cursou Pós-graduação em Teoria e Práticas da Comunicação pelo SEPAC (Serviço à Pastoral da Comunicação), pela Universidade São Francisco/SP, e é radialista profissional. Fundadora e assessora do Serviço de Animação Bíblica (SAB) em Belo Horizonte/MG. Assessora e co-fundadora do CEBIPAL-CELAM (Centro de Estudos e Pastoral Bíblica da Conferência dos Bispos da América Latina e Caribe), com sede em Bogotá. Autora de vários textos pastorais sobre Bíblia e espiritualidade.

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Catequese, Protagonismo Indígena e Inculturação




Na cidade maravilhosa de Manaus estão reunidos indígenas e não indígenas, vindos de diversos lugares de nosso querido Brasil! São pessoas especiais, amadas por Deus. São amantes da vida, das histórias e sonhadores de uma nova vida. Quem não é indígena, deixa-me dizer, não fique com ciúme. Ser indígena é ser uma pessoa especial. Indígenas tão bonitos, elegantes e maravilhosos como nós, tornam o mundo mais bonito. Povos indígenas são ricos de carinho e amor.

Nossas aparências e os nossos corações são indígenas. Nossas culturas são riquezas, são dons de Deus para nós e para o mundo. Nossas culturas foram construídas com carinho pelos nossos avós. O Criador-Grande-Deus colocou nos corações indígenas o amor, a sabedoria e a inteligência para criarmos coisas novas. Amigos e amigas indígenas, Jesus conta conosco para sua Missão.

Ele não quer trabalhar sozinho, quer trabalhar conosco, pois Ele é indígena também.  Ele aposta nas nossas qualidades e capacidades.  Por isso, ele disse: vão pelo Brasil inteiro e anunciem a Boa Nova a todos os povos. Viagem de canoa, de voadeira, de carro, de jumento e até mesmo a pé.  Ele disse: anunciem a partir de suas culturas e suas línguas. Jesus é a energia que corre no sangue dos leigos catequistas, padres, irmãs, bispos...

Com Jesus tornamo-nos homens e mulheres corajosos e santos. Com Jesus tornamo-nos pessoas iluminadas e de muitas forças. Aqui nesse lugar alegres cantamos com nossas línguas e dançamos com nossos ritmos.
 
Somos protagonistas na catequese e inculturação do jeito como compreendemos até o momento. Mas compreendendo mais faremos melhor e de outro jeito. Ser protagonista significa estar movido pela alegria.  Alegria que nos faz vibrar pela vida, pelos nossos trabalhos. 

Que bonito foi o dia de hoje!  Como bons indígenas partilhamos nossos trabalhos, contamos coisas engraçadas. Transmitimos a mensagem de forma simples do jeito como Jesus faria. Nós entendemos cada mensagem transmitida e achamos graça à vontade. 

Os nossos bispos também estão no meio de nós, com muita simplicidade, e nem dá para saber que são os bispos, eles acabam-se confundindo no meio dos leigos indígenas. Eles querem aprender, sonhar conosco de maneira indígena. Eles são os nossos avôs, nossos pais, nossos irmãos maiores, são os pajés, xamãs...
 
Nossos assessores tão simples, mas muito sábios nos ajudaram a entender as histórias do passado e do presente.  Eles são pesquisadores e nos ensinaram que o Passado é a nossa Memória, não podemos abandoná-lo, pois nos ensina muitas lições de vida para o presente.  
O presente é Dom de Deus, devemos vivê-lo intensamente, com alegria. O futuro é Mistério e para lá nós sonhamos vidas melhores. Catequese é valorização da vida, é viver a vida como ela merece ser vivida.  Nós somos seres históricos, seres em construção. No passado tivemos muitas histórias sofridas e muitas histórias bonitas que nos dão alegria. Agora nós somos protagonistas de nossas histórias atuais.
 
Para cada um de nós e para cada comunidade cabe a Missão de  construir histórias bonitas. Hoje perguntemos: o que queremos com as nossas vidas indígenas? O que queremos com a catequese? 

É hora de construirmos histórias novas. Juntos: bispos, padres, irmãs, catequistas e com agentes de pastorais, Juntos: pessoas das pequenas comunidades e pessoas que vivem nas cidades. Vamos construir histórias bonitas, muitas histórias bonitas. Os milagres das vidas e dos trabalhos já estão acontecendo. Cada indígena que partilhou suas experiências,  falou a partir de seu coração, de sua emoção, de seus sofrimentos, de suas superações.
 
Alguns indígenas ficaram emocionados, estavam com vontade de derramar lágrimas, mas seguraram e outros estavam com vontade de sorrir à vontade. Nossas vidas ficam bonitas na medida em que vamos conhecendo as pessoas. É importante conhecer, cumprimentar, contar nossas histórias e ouvir as histórias dos outros. 

Somos indígenas e não indígenas com a mesma vontade, vontade louca de fazer o bem, fazer bonito em meio aos povos indígenas e com os indígenas! 

Pe. Justino Sarmento Rezende 

Fonte: Blog Catequese e Bíblia - CNBB

III Seminário de Catequese Indígena



Acontecerá entre os dias 25 e 27 de abril de 2013 em Manaus-AM, o III Seminário de Catequese Indígena com o tema Catequese, protagonismo indígena e inculturação. O seminário se caracterizar por debates, diálogos e outras formas de interação. Por isso a proposta de poucas conferências e 6 oficinas. O III Seminário deseja escutar muito os próprios indígenas.

Local: Centro de Treinamento MAROMBA – Seminário São José
Rua Juará, S/Nº - Bairro: Chapada
Próximo ao Shopping Millennium
Contatos: Rose - 3212 9029/ 9602 0288/ 9215 9060 







Representando o Regional Noroeste participarão Elisa Alves (Diocese de Guajará-Mirim) e Teresinha Mesquita (Arquidiocese de Porto Velho).